(QUOTE) Eu a encontrei

Oi pessoal. Fiquei um tempinho sem postar porque eu estava na praia, aproveitando aquele mar lindo, aquele Sol incrível e me queimando um pouco sério, consegui me queimar mesmo passando protetor :/.
Lá na praia fiquei na casa dos meus avós e revi minha tia/madrinha, que me deu um presente atrasado de aniversário, o qual eu simplesmente amei. Primeiramente por ser um livro *-* livros sempre são bem vindos e segundo por o livro ser o FORMATURAS INFERNAIS que eu estava querendo há um tempão. Bem, não consegui me conter, e mesmo estando lendo o O URAGUAI que vou comentar depois em outro post quando eu terminar de ler comecei a ler o formaturas também. E já de cara gostei porque a primeira história é de vampiros 😛 
O conto é A FILHA DA EXTERMINADORA, da Meg Cabot imagina se eu não ia gostar né. E eu me encantei por uma parte do livro em que um dos personagens ADAM fala uma coisa muito fofa, um romantismo disfarçado sabe? Não é uma declaração de amor, mas é aquela coisa que quando uma pessoa fala a gente fica apaixonada na hora. Eu ia postar só o trecho em que ele fala a “declaração”, mas aí muita gente que não leu o livro não ia entender. Então eu resolvi postar uns trechinhos que fazem a pessoa entender do que se trata. Só para poderem compreender melhor, quem começa falando é o Adam. Então, aí vai:
 
Segundo Veronica Veronica é a irmã do Adam, eu preciso parar de ver as mulheres como objetos sexuais e começar a enxergá-las como futuras parceiras na inevitável luta em busca de sobrevivência em um Estados Unidos pós-apocalíptico.
 
– Vampiros existem, Adam – diz Mary com calma.
 ~
– Então – diz Mary, levantando os olhos para me ver -, você acredita em mim agora?
– Eu acredito em você – respondo. Eu só não acredito é que eu acredito nela.
– Que bom – diz Mary. – Seria melhor se você não comentasse nada com ninguém. Agora, se você não se importar, eu tenho que começar a arrumar as coisas…
– Ótimo. Diga-me o que tenho que fazer.
O rosto dela demonstra espanto.
– Adam – diz Mary. E tem alguma coisa na maneira como os lábios dela se posicionam para pronunciar o meu nome que me deixa louco… sinto como se eu precisasse abraçá-la e correr pelo quarto ao mesmo tempo. – Eu agradeço a sua ajuda. Muito mesmo. Mas é muito arriscado. Se eu matar o Drake…
Quando você matar o Drake… – corrijo.
– … o pai dele provavelmente vai aparecer – continua ela – em busca de vingança. Talvez não seja na mesma noite. Nem na seguinte. Mas em breve. E quando ele vier… não vai ser tranquilo. Vai ser bem complicado. Um pesadelo. Vai ser…
– Apocalíptico – termino a frase, sentindo um tremor correndo pela minha coluna ao pronunciar a palavra.
 ~
Porque agora sei que eu a encontrei: a minha futura parceira na inevitável luta em busca de sobrevivência em um Estados Unidos pós-apocalíptico.
 
Formaturas Infernais
Meg Cabot – A filha da exterminadora
 
 
 
Own, me apaixonei por ele gente, tem como não se apaixonar? Não terminei de ler esse conto ainda, mas quero muito que o Adam e a Mary fiquem juntos. (:
Espero que tenham gostado. 
Bjs.
Anúncios

4 pensamentos sobre “(QUOTE) Eu a encontrei

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s