(resenha/livro) A Princesa Leal & A Irmã de Ana Bolena

Primeiramente queria apresentar-lhes Philippa Gregory:



Ela é uma escritora britânica de romances, marcada por suas histórias Reais (tipo, da realeza). O livro mais famoso que ela escreveu foi A IRMÃ DE ANA BOLENA. Esse livro é da coleção Tudor. Essa coleção contém cinco livros já traduzidos para português, eles são: A irmã de Ana Bolena, A herança de Ana Bolena, A princesa leal, O amante da virgem e O bobo da rainha. (a ordem não altera o produto)
Desses, eu li apenas dois, que é A PRINCESA LEAL.


Esse livro é muito bom. Ele conta a história de Catarina de Araguão, filha dos reis da Espanha, que se casa com o príncipe Artúr, da Inglaterra. Eles se apaixonam depois de um tempo de casados, porém acabam tendo a infelicidade de a morte ter vindo buscar Artúr antes do tempo. Porém Cataria fora criada desde pequena sabendo que um dia seria Rainha da Inglaterra, e depois que seu marido morre, ela não vê outra chance de se tornar rainha, a não ser se casar com Henrique, irmão mais novo e mimado de Artúr. Ela primeiro é contrariada pela avó e pelo pai do menino, mas depois de tanta determinação ela acaba se casando com Henrique e se tornando a próxima rainha, assim que o rei atual morre. 
É muito bom mesmo o livro, conta detalhadamente toda a vida de Catarina, desde sua infância, até o momento em que é destituída de sua posição para que Ana Bolena tome seu lugar. No fim do livro dá um ar de nostalgia porque a gente lembra de quando Cataria ainda era apenas uma menina, e agora ela já é uma mulher formada e com uma filha. 
Maravilhoso pra quem aguenta ler livros grandes e com algumas palavras difíceis, mas nada impossíveis de entender se estiver com um dicionário do lado.

O outro que li em seguida foi A IRMÃ DE ANA BOLENA, que terminei essa semana.


Gente, é muitooooo bom. Eu já tinha visto o filme que foi inspirado nesse livro que é A OUTRA, e o livro é muito mais completo, ele tem mais de 600 páginas, é gigante, mas é muito hipnotizador. Eu não conseguia parar de ler, lia no ônibus, na escola, em casa, fiquei até à uma da manhã lendo pra terminar ele, porque estava empolgante de mais. Eu já sabia a história toda porque já tinha visto o filme, como eu disse, mas é que o livro conta tantos outros detalhes deixados de lado pelos diretores do filme, que não consegui parar de ler. O fim da história é impactante pra quem nunca leu o livro, viu o filme ou não conhece a história da dinastia Tudor (os três eram meu caso quando eu vi o filme), portanto fiquei chocadérrima com o que acontece no final. Lendo o livro esse sentimento se amenizou porque eu já estava preparada para o que iria acontecer, mas não posso negar que mesmo assim fiquei meio balançada com esse final, mesmo já conhecendo ele, não é algo com que alguém se acostuma assim tão fácil.
Ahhh, desculpem, não disse sobre o que se trata o livro. É assim, quem conta a história é Maria Bolena, irmã de Ana Bolena. O livro retrata a ascensão de Ana quando se torna Rainha da Inglaterra e mulher de Henrique VIII, desbancando assim Catarina (coitada da Cat), e após, sua decadência, quando deixa de ser a preferida do rei, é trocada por uma Seymour, e acaba sendo …. não vou contar o final 😛 Esse livro trás personagens incríveis como Maria Bolena, William Stafford, Catarina e Henrique Carey, entre outros. E claro, aqueles insuportáveis como Ana Bolena, Thomas Howard, Tomás Bolena, Isabel Howard, Jane Parker. E aqueles indefinidos que às vezes amamos e às vezes odiamos como Henrique VIII e George Bolena.
Esses livros são muito bons, porque cada um conta a visão de uma pessoa diferente sobre a mesma história. mais ou menos
Aconselho a quem quiser ler os livros, que leia primeiro o da PRINCESA LEAL, e depois o da ANA BOLENA, porque afinal a história de Catarina começa antes da de Ana.
Não vejo a hora de ler os outros três livros *-*

Anúncios